Após cerca de 10 anos em desenvolvimento, finalmente a versão Disneyana de Rapunzel chega aos cinemas norte-americanos, e até agora, as coisas não poderiam estar melhores: O filme acumula 86% de aprovação no Rotten Tomatoes, uma das melhores performances para um animado da Disney nesta década (de fato, apenas BOLT, com 89% de aprovação, se saiu melhor).

Além disso, segundo fontes especializadas, o filme arrecadou cerca de $11.8 milhões de dólares ontem e a Disney espera que feche entre $60 e $70 milhões de dólares até esse domingo. Em resumo: Se tudo der certo, ENROLADOS terá a maior abertura de 5 dias para um filme animado da Disney de todos os tempos. Uma boa comparação pode ser feita com BOLT e ENCANTADA, dois moderados sucessos do estúdio que fizeram, respectivamente, $40 e $31 milhões de dólares em 5 dias no mesmo período (feriado de ação de graças).

As arrecadações de 5 dias não estão disponíveis para filmes lançados antes de 2001, mas é fato que nem O REI LEÃO, ALADDIN ou A PEQUENA SEREIA arrecadaram tanto em tão pouco tempo.

Claro que nada disso está inflacionado, claro que ENROLADOS tem a vantagem de estar sendo lançado em 3D e claro que o filme pode muito bem zerar nos próximos dias, mas o fato é que nós (a Disney e seus fãs) já temos bons motivos para comemorar.

A PRINCESA E O SAPO – $29.9 milhões
BOLT – $30.9 milhões
ENCANTADA – $40.1 milhões
FAMILÍA DO FUTURO – $29.5 milhões
CHICKEN LITTLE – $44.2 milhões
NEM QUE A VACA TUSSA – $16.3 milhões
IRMÃO URSO – $24.0 milhões
LILO & STITCH – $45.5 milhões
PLANETA DO TESOURO – $16.6 milhões

Mas por que esse resultado de ENROLADOS é tão animador? Bem, há dez anos a Disney vem amargando baixas bilheterias, e visto a Pixar subir e seu reinado decair.O último enorme sucesso da Disney – O REI LEÃO (1994) – coincide com o primeiro filme da Pixar – TOY STORY (1995), e desde então, apesar de alguns êxitos (POCAHONTAS, TARZAN, LILO & STITCH e CHICKEN LITTLE até se saíram bem), a Disney nunca mais foi a mesma. Se ENROLADOS se sair bem, o estúdio finalmente poderá respirar aliviado.

A queda de bilheteria na Disney atingiu um ponto crítico depois que A PRINCESA E O SAPO, “concebido para ser perfeito”, patinou feio nas bilheterias ano passado. Já esperando resultados poucos animadores de ENROLADOS, a Disney recentemente se antecipou em anunciar que esse seria o último conto-de-fadas do estúdio, encerrando o legado de clássicos inesquecíveis: BRANCA DE NEVE, PINÓQUIO, CINDERELA, A BELA ADORMECIDA, A PEQUENA SEREIA, A BELA E A FERA e A PRINCESA E O SAPO. Felizmente, parece que nem tudo está perdido.

Falando no passado da Disney, até agora, pouco se falou sobre ENROLADOS ser o 50° animado dos estúdios Disney, mas claro que a ocasião não passou em branco. O estúdio divulgou na internet uma restrospectiva breve, mas de bom gosto, dos seus filmes. Veja abaixo:

É, parece que, comercialmente, a Disney estava certa com a mudança de título e a divulgação “manipuladora” de ENROLADOS.

Já que no Brasil o filme só vai dar as caras em janeiro, fique agora com o que há de mais novo do filme.

IMAGEM #1 – Still inédito

IMAGEM #2 – Tirada de um pôster japonês, que vem adotando outra estratégia para divulgar o filme.

VÍDEO # 1 – Trailer Japonês, mais profundo e romântico, lembra inclusive que ENROLADOS é o 50° animado do estúdio.

VÍDEO # 2 - Interessante campanha viral que teve início na Espanha. Mostra uma versão “2D” de Flynn Rider.

VÍDEO #3 – Cena estendida, mostra Rapunzel tentando esconder Flynn no seu armário.

VÍDEO #4 – Spot de TV

VÍDEO #5 - Cena Estendida: Biquinho do Flynn

VÍDEO #6 – Cena Estendida: Fuga de Flynn

Tags

 

40 Comentários

  1. Luís Fernando disse:

    EU AMEI ESSA RETROSPECTIVA!!!! É LINDA, DE ENCHER OS OLHOS!!!!! :-D

    E esse trailer japonês é brilhante!!! Creio que esse seja de fato o verdadeiro “RAPUNZEL”!!! Épico e espirituoso, tal qual o projeto prometia ser no início!!! :-D

    E realmente espero que esse filme fature bastante! Mesmo não o tendo visto creio que se “Rapunzel” for bem nos números talvez a Disney volte atrás com essa história de não produzir contos-de-fada por um tempo, o que para mim é uma lástima (afinal de contas o que vai ser de “A Rainha da Neve”???!!! 8-O)
    Não que seja algo realmente ruim. Grandes produções como “O Rei Leão”, “O Corcunda de Notre-Dame” ou “Mulan” não são adaptações de contos-de-fadas. O que eu acho uma pena é fazerem isso só por causa do fraco desempenho de “A Princesa e o Sapo”! Será que até agora a Disney não se deu conta da GRANDE BESTEIRA de ter lançado esse filme uma semana antes de “Avatar”?! Até hoje me pergunto quem foi a anta que teve essa ideia…E pior, pretendem lançar o filme do “Ursinho Pooh” na MESMA data da estreia de “Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2″!!! Como Ursinho Pooh pode concorrer com o final de uma série milionária???ACORDA DISNEY!!!! PARE DE TOMAR ATITUDES TÃO INSENSATAS!!!PARE DE DAR AS JUSTIFICATIVAS MAIS BOBAS!!!
    Mas enfim, mesmo que “Rapunzel” não seja aquelas coisas (sendo que eu tenho grandes expectativas de ser um ÓTIMO filme!!!) é bom ver que já teve uma abertura boa! Na torcida para que o seu desempenho evolua pra melhor e que desse jeito acorde a Disney, já que infelizmente hoje ela parece ser movida pelo lucro (apesar de ainda produzir filmes espirituosos e de qualidade!)!

  2. Alan Zanella disse:

    Tudo isso é incrivel e quero muito que se confirme,tenho esperado essa noticia a anos!!

  3. Ester disse:

    Lindo esse vídeo, me emocionei aqui…
    A Disney é insuperável e está de parabéns!

  4. Reinaldo Peixoto disse:

    Luis, o problema de A PRINCESA E O SAPO não foi AVATAR!!!
    Eram públicos diferentes!!!
    O problema foi O PRÓPRIO FILME, que era muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito ruim!!!
    Péssimo, pra ser exato!!!
    Aconselho que leia a crítica do CINEMA EM CENA e vai enteder o que estou dizendo!!!

    PARA OS DESAVISADOS: TANGLED É O 50 FILME DE ANIMAÇÃO, MAS NÃO É O 50º CLÁSSICO, JÁ QUE DINOSSAUROS, CHICKEN LITTLE E BOLT NÃO ENTRAM NA CONTA!!!

  5. Reinaldo Peixoto disse:

    E NOTEM QUE TARZAN, QUE HÁ TEMPO ATRÁS, NÃO FOI CONSIDERADO CLÁSSICO, TANTO QUE SUAS FITAS NÃO TRAZIAM ESSE TÍTULO, AGORA O É!
    SELVAGEM, QUE TBM É UM FILME DE ANIMAÇÃO COMPUTADORIZADO, COMO CHICKEN LITTLE, NÃO ENTROU NA LISTA!!! ACHO QUE NINGUEM NEM LEMBRA DESSE LIXO, ANYWAY…
    DIGA-SE DE PASSAGEM QUE, SE EU TIVESSE FEITO O VÍDEO, NAO TERIA MANCHADO O LEGADO LEMBRANDO DE FILMES COMO CHICKEN LITTLE E BOLT!!! PRA MIM, DUAS COISA QUE NÃO COMBINAM COM A DISNEY CLÁSSICA!!!

  6. Alan Zanella disse:

    Selvagem não é extamente da Disney e o fato de voce não gostar d eum filme não quer dizer que ele não é bom.

  7. Mayara disse:

    Não acredito que vou ter q esperar até janeiro pra ver Enrolados!

    É muito tempo!!

    E, Luís Fernando, acho q eles devem mudar de ideia em relação à data de lançamento do novo filme do Ursinho Pooh. Mas se vc considerar q é um filme sem muita pretensão de fazer bonito nas bilheterias, tá tudo bem.
    Pra mim, os filmes do Ursinho Pooh tem o mesmo objetivo de Chicken Little e Aristogatas (q é considerado um clássico). São bons filmes, mas o público alvo são as crianças bem pequenas, tipo com 4 a 8 anos de idade.

  8. Luís Fernando disse:

    Mas Reinaldo, não é porque o Cinema em Casa entre outros críticos e pessoas (como você) que reprovaram o filme que ele é necessariamente ruim!
    Muitas pessoas (incluindo eu!) e críticos amaram “A Princesa e o Sapo”! Para mim foi um ótimo retorno para o 2D tradicional!
    Enfim críticas diferentes, opiniões diferentes! E não concordo essa história de “Avatar” e “A Princesa e o Sapo” serem de públicos diferentes! Eu mesmo vi os dois filmes na época e gostei dos dois (embora “Avatar” seja superior a “Titanic”, com certeza! -  :-P ) e sei de várias pessoas que também viram ambas as produções.
    Portanto continuo com a minha opinião! A propósito estou louco pra ver não só “Rapunzel” como também as opiniões e críticas que serão feitas entre os fãs (incluindo você Reinaldo!)!
    E o que você achou do trailer japonês Reinaldo? Você criticou desde o início a divulgação desse filme, o que acha do marketing dos japoneses que estão apostando num estilo diferente?

  9. gui disse:

    Caro Reinaldo.
    Primeiro Tangled é sim o 50o clássico.
    A disney sim ja lançou mais de 50 animados, mas geralmente esses eram sequels, e eram produzidos por estudios afiliados a Disnye animation(Disneytoons, Pixar).
    ”Clássico” seria a denomiação que a propria Disney fez aos filmes lançados pelo braço principal da Empresa: O Walt Disney Animation Studios.

    Selvagem, foi produzido em 2006 pela: C.O.R.E. Feature Animation. A Disney só o lançou com sua marca, nao fazendo dele um ” Clássico”. Então Dinossauro, Chicken Little, A Família do Futuro e Bolt, mesmo sendo lançados em outra tecnologia (digital), e nao se parecendo com os demais filmes tradicionais do estúdio como Selvagem, nao deixam de ser ”Clássicos”.

    E mais uma coisa, quanto a denominação Clássico que vinha nas fitas e DVDS é uma classificação mais comercial.

    e quem é voce para falar que DINOSSAUROS, CHICKEN LITTLE E BOLT nao entram na conta se foi a propria Disney quem definiu o conceito de Classico , e se nao fosse como tal não estaria no vídeo acima.

    Enfim, sugiro que pesquise mais antes de postar meu caro.

  10. gui disse:

    quem sabe inglês, vai entender: This is the category for the feature films part of the Walt Disney Feature Animation (WDFA) canon, also known as the Walt Disney Animated Classics. The canon includes animated features that were or are being produced entirely by WDFA. Not included are animation/live-action combination films, spin-offs from Disney television shows, the direct-to-video films produced by the DisneyToons studio in Australia (some of which received theatrical releases), or the Pixar films (which Disney “presents” but does not produce).

    Aqui fala tudo, bem isso é o que eu pesquisei e postei, se tiver errado… sei lá.

  11. Rodrigo disse:

    Por Deus, pessoal. Será que ainda não entenderam que o que determina o fato de um filme da Disney ser clássico é o estúdio em que ele foi produzido. Os verdaderos clássicos são da Walt Disney Animation Studios (Incluindo Dinossauros, Chicken Little, Família do Futuro, Bolt e Enrolados) os outros são de outros estúdios ou subsidiárias, como o DisneyToon (O Rei Leão II, Bambi II, Tarzan e Jane), a Pixar (preciso citar?), um estúdio que era parceiro da Disney (e que fez Selvagem, por isso Selvagem não é clássico) e eu acho que faliu, Walt Disney Pictures (Perceba que o nome desse estúdio é parecido com o estúdio de animações, mas esse eu acho que é o estúdio que produz filmes Live-Action), Touchstone (O Estranho Mundo de Jack) e diversos outros. Se eu tiver dito besteira podem me corrigir, OK?

  12. paulo disse:

    não sei como vcs tem paciencia com esse Reinaldo… até parei de discutir….

  13. Alison disse:

    Espero muito desse filme.

  14. Alison disse:

    Em breve videos com a historia dos 25anos da PIXAR http://www.youtube.com/watch?v=5lWhGc5NwuU

  15. Mayara disse:

    Só pq um filme é ruim não significa q não seja um clássico. Até pq achar um filme ruim é algo relativo. Depende de cada pessoa.

    Eu achei A Princesa e o Sapo fraco e Nem que a vaca tussa fracos (não chegam a ser ruins também), mas eu sei que são, sim, clássicos.

    Há até filmes antigos como Mogli, Peter Pan e Aristogatas que eu considero extremamente dispensáveis pra minha prateleira, mas q são considerados clássicos por outras pessoas e estão na lista de Clássicos Disney.

    E aí? Só pq uma animação Disney nova é fraca significa q não é um clássico, quando muitas animações Disney antigas são difíceis de engolir pra muita gente?

    Já vi q isso aqui vai ferver!

  16. Maykol disse:

    Então, são considerados Clássicos filmes produzidos pela Walt Disney Animation Studios.

    É mais uma questão de marca que qualidade e sucesso do filme.
    E convenhamos, Mayara tá certa. Há filmes antigos Disney piores que Chicken Little e Bolt e mesmo assim ninguém diz que é uma mancha no legado Disney.
    Chicken Little e Bolt pertencem a mais um estilo de filme Disney, feitos prioritariamente pra crianças.
    O legado Disney não é algo homogêneo. É só dar uma olhada na mudança da personalidade dos personagens desde Branca de Neve até hoje. Bolt, Chicken Little e A Família do Futuro são filmes que sofreram mudanças no modo de contar a história.
    Bolt, por exemplo, é parecido com Oliver e sua turma. Só que por ser diferente no estilo da narrativa e construção dos personagens, Bolt consegue ser muito melhor que Oliver e sua turma. Bom, eu acho isso, mas não é uma opinião universal (muita gente prefere Oliver).

  17. Reinaldo Peixoto disse:

    Cara, Gui.
    Você sabia que os artigos que vc lê no wikepedia são escritos por pessoas como a gente?
    Poderia até ter sido escrito por vc! A única fonte confiável é a própria empresa! Selvagem não tem o título de clássico, realmente pelas razões que vc bem colocou. Os demais, em alguns lugares, não receberam esse tratamento de clássico. Por outro lado, no Reino Unido, Selvagem apareceu como sendo um. Então acho que não vai ser um artigo da net que vai esclarecer isso.
    Sim, as sequencias, INQUESTIONAVELMENTE, não sao classicos? Quem colocou isso em pauta? Alguém tem dúvida disso?
    Os CLÁSSICOS Disney são aqueles que são produzidos pelos principais estúdios Disney (antes aquele que ficava em Burbank) e, como tal, são aqueles produzidos em animação tradicional!
    Alguém considera O GALINHO CHICKEN LITTLE uma estória clássica, by the way?
    (que título redundante “O GALINHO GALINHO”)

  18. Reinaldo Peixoto disse:

    Os japoneses sempre apostam em marketing diferente e a explicação bem é simples: a cultura deles é bem diferente da ocidental, de onde vem o filme!
    Por isso, a ênfase em cenas de ação e coisa parecida (não vi a campanha propriamente, mas acho que é isso).

  19. Reinaldo Peixoto disse:

    Anyway, tô produzindo minha monografia e sem tempo pra escrever (até esqueci de acentuar coisas e não pontuei corretamente)
    Volto depois pra meter o pau em TUDO QUE A DISNEY MERCENÁRIA ESTIVER PRODUZINDO!
    Por uma Disney MELHOR e CLÁSSICA! VAMOS DEIXAR O MODERNO COM A PIXAR!

  20. Alan Zanella disse:

    Eu chuto 63 milhões de dolares!!

  21. Luís Fernando disse:

    Desempenho de “Rapunzel”:
    Quarta (estreia) – em torno de $11.8 milhões;
    Quinta – em torno de $8.1 milhões (muitos tiveram uma queda nesse dia.);
    Sexta: em torno de $22 milhões!

    Não sei se esse é um cálculo certo, mas somando os valores dá uns $41.9 milhões!!! Sendo que ainda há esse feriado prolongado do Dia de Ação de Graças!!!
    Como diria a Vó Fá, “estamos indo bem, não?!” :wink:

    Fonte: http://www.deadline.com/hollywood/

  22. Lucas Manfredini Praca disse:

    Acho que o importante da lista não e os filmes, mas sim o numero de filmes, 50, não importa a epoca de crises, criativas ou financeiras o estudio se manteve ativo, impossivel fazer 50 filmes perfeitos, Walt Disney Estudios enfrentou ,a queda dos tempos de ouro da animação, a crise de criatividade dos anos 80, e com Tabgled ou Rapunzel, enfrenta a concorrencia que ela mesmo criou.Não inporta a tempestade, Disney estara produzindo, que venha mais 50 filmes , e que els sejam cada vez melhores !!!!!

    Valeu Walt Disney pelos anos de Diversão e encantamento!!! :-D

  23. gui disse:

    tudo bem, li na wikipedia, mas nao só na wikipedia,
    pelo menos eu li algo, que condizia com o que o prorio filme afirmou…

    meu caro, o Rodrigo entre outras pessoas afirmaram a mesma coisa. que eu quis dizer:
    ”Os verdaderos clássicos são da Walt Disney Animation Studios (Incluindo Dinossauros, Chicken Little, Família do Futuro, Bolt e Enrolados) os outros são de outros estúdios ou subsidiárias, como o DisneyToon (O Rei Leão II, Bambi II, Tarzan e Jane), a Pixar (preciso citar?)”

    beleza?

  24. tiago disse:

    que dó desse Reinaldo.

  25. Luís Júnior disse:

    Pessoal, não podemos confundir a palavra “clássico” com a expressão “Clássico Disney”. A primeira refere-se a algo que encantou nossos avós e encantará os nossos netos. Qualquer bom filme que seja amado ao longo de gerações e gerações, como “… e o Vento Levou” e “Os Dez Mandamentos”, merece a alcunha de “Clássico”. Algumas animações com a marca “Disney” também merecem este rótulo – creio que daqui há 20 anos, “Procurando Nemo” será lembrado do mesmo modo. Mas será que “Procurando Nemo” está ao lado de “Branca de Neve e os Sete Anões” na mesma lista? Certamente que não!

    A expressão “Clássico Disney” refere-se a superproduções cinematográficas em longa-metragem realizadas em 2D (técnica e não formato) pelos maiores estúdios do complexo Disney.

    Entenderam? DISNEY: exlui-se, portanto, qualquer filme com a marca “Pixar”. LONGA-METRAGEM: exclui-se qualquer filme de poucos minutos, mesmo obras-primas, como “Lambert”, “A Deusa da Primavera” ou “O Velho Moinho”. CINEMATOGRÁFICAS: exclui-se filmes que foram diretos para o vídeo, como “Bambi 2″ e “O Rei Leão II e III”. SUPERPRODUÇÕES: exclui-se os filmes cinematográficos que foram feitos por estúdios secundários do complexo Disney (“Pateta – O Filme”, “Peter Pan – De Volta à Terra do Nunca” e “Mogli 2″) – mesmo fillmes de baixo orçamento, como “Dumbo” e “O Ratinho Detetive” são considerados Clássicos Disney porque envolveram os principais artistas de animação do estúdio e usaram o que havia de melhor, apesar do orçamento apertado. E finalmente, 2D (ANIMAÇÃO TRADICIONAL): exlui-se qualquer coisa feita exclusivamente por obra e graça do computador (leia-se: “Selvagem”, “Bolt”, “Tincker Bell” – um deles foi ao cinema – e qualquer outro parente desses aí).

    Ou seja, o que é um Clássico Disney? “Pinóquio”, “Fantasia”, “A Dama e o Vagabundo”, “A Bela Adormecida”, “Aladdin”, “O Rei Leão”, “Tarzan”, e cia. Mesmo filmes não muito bons, como “Robin Hood” e “O Cão e a Raposa”, estão no cânon dos Clássicos Disney. Há alguma semelhança entre tais títulos e um “Bolt” da vida? Certamente que não! E eu achei “Bolt” muito bom. Talvez, daqui há uns 20 anos, seja considerado um clássico do cinema… quem sabe? Mas um “Clássico Disney” ele não é. Não faz parte do cânon dos Clássicos Disney. Este cânon compõe-se, na verdade, de 45 obras, cuja primeira é “Branca de Neve e os Sete Anões” e a última é “A Princesa e o Sapo”.

    Quer dizer… pelo menos era! A Disney está tão louca quanto mais da metade do mundo. Se a dona dos filmes mudou o que ela mesma antes descrevia como um de seus “clássicos”, quem sou eu pra dizer que ela está errada? Enfim, eu retiro, então, tudo o que eu disse antes…

  26. Paulo Fabian disse:

    “Clássicos” é um carimbo que as distribuidoras usam num país ou noutro para valorizar um pouco mais um título da Disney. Se existe ou não uma lista oficial da Disney realmente nem importa, porque também seria uma qualificação comercial no final das contas.

    Mais interessante são os “selos” pelos quais a Disney distribui seus filmes: como as séries platinum e diamante. Claro, também é uma questão estratégica do estúdio mas deixam mais claros para nós aqueles que ela considera de mais valiosos em seu catálogo. E por outro lado recebem um tratamento especial quando de novas edições lançadas em mídia.

    Sobre Enrolados não importa se é ou não o 50º do estúdio. O que importa se será o primeiro a fazer sucesso depois de Rei Leão ou se será a segunda patinada, a se juntar com A Princesa e o Sapo, da Era John Lesseter. Confesso que não tenho esperanças mas estarei em janeiro nos cinemas esperando ser surpreendido.

  27. Luís Fernando disse:

    Até que concordo com o que você disse Luís! Na verdade de fato gera uma confusão essa história de unir as produções em 2D tradicional com as produções em CGI; vide essa discussão que está por aqui!
    Eu acho que deveriam fazer listas separadas: Clássicos 2D e Clássicos CGI embora sejam do mesmo estúdio (se bem que hoje infelizmente não parece ter diferenças, já que a Disney nem mais rotula “Clássicos” nas Edições Diamante por exemplo…).

    E você Luís de uns tempos pra cá parou de comentar sobre “Rapunzel”! Quais são suas expectativas para esse filme hoje? :wink:

    P.S.: Os longas em CGI podem até não ser exatamente “Clássicos”, mas que esse vídeo ficou bom ficou! 
    :-D

  28. tiago disse:

    Pra mim pouco importa se é classico ou não, o que importa é que DISNEY É DISNEY.

  29. Leo disse:

    O fato é que se a “A Pequena Sereia” ou a “Branca de neve” tivesse sua estréia hoje, iria ser um tremendo fracasso.

  30. Leo disse:

    O que é clássico se torna clássico, não existe definição técnica pra isso.

  31. Higor disse:

    “Disney é Disney” também não… A Disney desova tanta besteira/porcaria no mercado, coisas que deixam na cara que é SÓ para ganhar dinheiro.
    Claro que os Clássicos Disney TAMBÉM são feitos para ganhar dinheiro, mas há aspirações artísticas neles.

  32. tiago disse:

    não importa se tem “aspirações artisticas” o que importa pra mim é que eu gosto de todos, alguns mais e outros menos, mais a certeza que tenho é que amo animação, isso pra mim ja basta!

  33. Felipe Oliveira disse:

    O site que o Luís indicou atualizou os números!  
    Na verdade sexta “Rapunzel” (também vou adotar esse nome -  :wink: ) arrecadou $19.7 milhões e ontem arrecadou $18.7! Se os números estiverem certos e não houverem mais ajustes, somando os valores dá um total de $58.3 milhões, sendo que ainda há a arrecadação de hoje!
    Ou seja de fato estamos indo bem! Só com esses valores “Rapunzel” já passou os números dos primeiros 5 dias desses outros animados! Na torcida para que as coisas continuem dando certo desse jeito! :wink:

  34. Luís Júnior disse:

    Como eu disse, prezado Leo, um “clássico” e um “Clássico Disney” são coisas diferentes. E você tem razão: o que realmente importa é se você gosta ou não.

    Luís Fernando, meu querido amigo (de 15 anos agora!!!), o fato é que eu perdi totalmente o interesse por esse filme. Fui perdendo aos poucos. Primeiro, quando deixou de ser um 2D; depois, quando perdeu seu título orginal para ganhar o nomezinho vulgar que hoje ostenta, “Tangled” (ou “tanglédi”, como eu desdenhosamente o chamo); e por fim, quando o tal trailer saiu demonstrando que era verdade o que eu tanto temia: que o filme perdeu toda a sua pompa clássica para dar lugar a uma comediazinha vulgar de riso fácil. Não tenho nada contra esses filmes. Mas quem precisa de um novo “Shrek”? Querem piadinhas rápidas e moderninhas, do estilo “A Nova Onda do Imperador” ou “O Alto da Compadecida”? Aluguem uma temporada de “Friends”, pô! Ou carreguem no You Tube um bom “stand up comedy”! Dá no mesmo. Mas reduzirem a isso um clássico da Literatura Universal que estava sendo originalmente previsto como um épico grandiloquente, o irmão caçula de “A Bela e a Fera”? É triste.

    E o trailer também confirmou que a idéia de tornar cada quadro do filme uma pintura rococó também foi abandonada há muito tempo. “A Bela e a Fera”, sim, é uma pintura rococó! Reparem bem nos backgrounds. Tudo o que eu vi no trailer de “tanglédi” foi borracha, muita borracha.

    Mas eu ainda não assisti ao filme. Pode ser que se trate de uma verdadeira obra-prima, uma autêntica obra de arte majestosa e insuperável, e eu esteja sendo bastante injusto. Por isso, desisti de tecer comentários e resolvi só voltar a me pronunciar sobre o mesmo depois o ter assistido. Quem sabe eu não termino me tornando o maior de todos os fãs? Então… vou aguardar.

    Quanto ao vídeo postado aí, ainda não tive chance de ver. Ando com pouco tempo. Tentarei carregar hoje à noite.

    Abraço, amigo!

  35. Luís Júnior disse:

    Ah, sim! Acabei de encomendar minha edição britânica de “Fantasia” e “Fantasia 2000″ na Animaloja! Ai, meu Deus, volto eu ficar ansioso! rsrs… E quando penso na majestade poderosa destas duas obras-primas enternecedoras e atemorizantes, fico ainda mais triste de saber que hoje em dia a Disney se resume a “tanglédi”.

  36. Luís Fernando disse:

    Já encomendei o meu box também Luís (nunca pensei que aos 15 anos se ganhasse tanto dinheiro! -  :wink: )!!! Mal vejo a hora de chegar!!! 
    E compreendo sua frustração sobre “Rapunzel”*, mas anime-se meu caro! Muitos críticos de pré-exibições afirmaram que aquele trailer não vinga o filme em si! Em todo o caso vamos ter que esperar até janeiro… Mas poste suas opiniões na época do lançamento, por favor!  :wink:

    P.S.: Ah! E a minha luva de “A Bela e a Fera” chegou! Líndissima!!! Agora esse título está bem guardado! Mal vejo a hora de desfrutá-lo em HD!!!!

    *De uns tempos pra cá me refiro a esse filme apenas por “Rapunzel” mesmo! Me recuso a digitar e a pronunciar “Tangled” ou “Enrolados”! Argh! Nomes mais ridículos nunca vi! E não estranhe – sempre dou meus nomes pessoais à alguns filmes que vejo! O último “Karatê Kid” que lançaram nesse ano por exemplo eu chamo de “Kung Fu Kid”, pois aquilo é kung fu, não karatê! O que o marketing não faz… :roll:

  37. Leo disse:

    O legal é que a campanha de marketing deles é tão boa, que continua enganando todos mesmo depois da estréia, quando que todos vão ver que realmente é pra atrair os “garotos” pra o cinema! e que o filme é outra coisa do mostrado no trailer e na campanha.

  38. Luís Fernando disse:

    Luís, quanto tempo a Animaloja leva para atualizar o Status do Pedido?

  39. Luís Júnior disse:

    Algumas poucas horas, Luís Fernando. Como os “Fantasia” estão em pré-venda, o status de “pré-venda” não mudará até o dia oficial de lançamento, quando o status mudará para a o código de rastreamento dos correios. Neste mesmo dia, você levará um susto ao ver o carteiro chegando ao seu endereço e entregando a encomenda. Por isso é bom comprar na pré-venda: no dia do lançamento, o filme é entregue no seu endereço. Pelo menos é o que costuma acontecer.

  40. Luís Fernando disse:

    Valeu Luís! A propósito “um presente” – uma entrevista que fizeram com a Kika Tristão (dubladora nacional das canções de Jasmim, Nala (adulta), Pocahontas e Meg!)!

    http://www.disneymania.com.br/entrevista-especial-com-kika-tristao/

    Bem que podiam chamar ela pra dublar as canções da Rapunzel por aqui, não é?! :wink:

Deixe um Comentário