A Aardman decidiu alterar uma cena de PIRATAS PIRADOS!, seu próximo lançamento, devido às reclamações de grupos como a Federação Internacional de Associações Anti-Lepra (ILEP). Na tal cena, que aparece aos 25 segundos do trailer abaixo, o pirata interpretado por Hugh Grant invade um navio à procura de ouro, mas recebe a seguinte resposta: “Sinto muito mas não temos nenhum ouro aqui, amigo, este é um barco leproso. Tá vendo?”. E aí o braço do leproso que disse isso cai no chão.

As organizações anti-lepra acharam que a piada poderia aumentar a discriminação e o estigma com os portadores da doença. Um porta-voz da Aardman enviou para o site Deadline um comunicado a respeito: “Após analisar a questão, decidimos mudar a cena por respeito e sensibilidade pelos que sofrem de lepra. A última coisa que qualquer um aqui pretendia era ofender alguém e está claro para nós que o jeito certo de agir é honrando os esforços feitos por organizações como a ILEP para educar o público sobre a doença.” Representantes das organizações anti-lepra disseram estar “genuinamente satisfeitos por a Aardman ter decidido alterar o filme” e reconheceram a consideração dos cineastas.

Dirigido por Peter Lord e Jeff Newitt, PIRATAS PIRADOS! estreia nos cinemas ingleses no dia 30 de março.

Tags

 

6 Comentários

  1. El Morsa disse:

    Decisão sensata, mas estou mais preocupado com o tratamento que vão dar ao Charles Darwin que vai ser um personagem no filme. Nos Estados Unidos o debate contra vs. a favor das teorias dele e se elas devem ou não ser ensinadas na escola é um verdadeiro campo minado. O mais sensato é eles retratarem o personagem e suas idéias com neutralidade para evitar os protestos de um lado ou do outro.

    Ah, seria tão bom se as pessoas pudessem simplesmente aceitar que um desenho é um desenho e embarcar na diversão ao invés de ficar super-preocupados com o “politicamente correto” e o que está sendo “ensinado às crianças”…

  2. Franklin disse:

    A organização Internacional (ILEP) está de Parabéns pelo trabalho que vem realizando, que é um trabalho duro e complicado para se conscientizar as pessoas de todo o mundo e a Aadman também está de Parabéns por entender o pedido da organização e ter sensibilidade com as pessoas que sofrem dessa terrível doença.

  3. lucasmanfredinipraça disse:

    por mais que eu entenda a visão da organização, e o receio dos cineastas, anda acho isso uma ma noticia. por que? porque e a prova que o mundo anda mais chato e politicamente correto, hoje em dia ha tratamento para lepra, na epoca representada pelo filme não existia ….. a piada e boa ,e não considero preconseituosa pois no conceito do filme e cabivel………….. mas enfim vejo que eu sou o unico docontra nos comentarios…….. anda estou ansioso por esse filme!!!!!

  4. Jonas Jax disse:

    Que deselegante.

  5. Gustavo disse:

    Eu respeito a decisão, mas não concordo. A época que se passa o filme a lepra era vista diferente, sem contar que isso é uma animação. Inclusive essa foi a parte que eu achei mais engraçada no trailer, uma pena.

  6. samuel disse:

    Estranho,eu assisti piratas pirados e vi essa piadinha no filme,acho que eles não cortaram…

Deixe um Comentário